Como curar a candidíase

 COMO CURAR A CANDIDÍASE

Como curar a candidíase

Como curar a candidíase

Você já teve algum desses problemas de saúde?

  • Exaustão

  • Desejo por doces

  • Mal hálito

  • Revestimento branco na língua

  • Névoa do cérebro

  • Desequilíbrio hormonal

  • Dor nas articulações

  • Perda do desejo sexual

  • Problemas crônicos de sinusite e alergia

  • Problemas digestivos (gases e inchaço)

  • Sistema imunológico fraco

Em caso positivo, estes são apenas alguns dos sinais de que você pode ter uma infecção fúngica conhecida como candidíase. Como curar a candidíase? Neste artigo você vai aprender um pouco mais sobre a candidíase, e como curar a candidíase naturalmente.

O que é Candidíase? 

Candidíase é um fungo que ajuda na absorção e digestão de nutrientes em níveis adequados no corpo. Quando ele se reproduz em grande quantidade, sintomas típicos de candidíase podem surgir. No trato digestivo, se não for controlada, decompõe as paredes do revestimento intestinal e penetra na corrente sanguínea. Isso libera toxinas de subprodutos e outras toxinas no sistema, causando síndrome do intestino permeável.

Quando o equilíbrio natural do pH do seu corpo está alterado, a candidíase pode ficar fora de controle, criando um problema sistêmico e outros sintomas desagradáveis ​​de candidíase. As bactérias saudáveis ​​e um sistema imunológico que funcione adequadamente são essenciais para combater essa infecção persistente. 

Se o sistema imunológico está funcionando de forma ideal, este tipo de infecção por fungos raramente é grave. No entanto, se o sistema imunológico não estiver funcionando adequadamente, a infecção por candidíase pode migrar para outras áreas do corpo, incluindo o sangue e as membranas ao redor do coração ou do cérebro, causando sérios problemas.

Saiba Mais…

Candida Albicans Afeta a Mente como? A Candidíase Causa Depressão?

Candidíase Oral – Causas, Sintomas e Tratamento Natural

Candidíase na Gravidez – Quais os sintomas, riscos e tratamento…

Candidíase Intestinal

Candidíase Masculina

Candidiase feminina

Pomada para Candidíase

Como tratar a candidiase

Candidiase recorrente e como tratar

Candidiase tem cura? como acabar com a candidiase?

A candidíase pode ser muito séria, por isso é necessário saber como curar a candidíase. Recentemente, uma espécie de candidíase de uma superbactéria conhecida como Candidíase auris emergiu como uma perigosa ameaça à saúde em vários países. Esta versão da candidíase tem comprovadamente resistência a múltiplas drogas, resultando em doenças graves.

A Candidíase albicans é o tipo mais comum de infecção encontrada na boca, trato intestinal e vagina, e pode afetar a pele e outras membranas mucosas.

A síndrome do crescimento excessivo de Candidíase, é o termo usado quando a candidíase cresceu fora de controle em seu corpo. Não se engane: esta é uma condição crônica de saúde. Além de sintomas candidíase, indivíduos que nunca tiveram uma infecção por fungos graves podem achar que desenvolveram novas sensibilidades, alergias ou intolerâncias a uma variedade de alimentos. Estes alimentos incluem laticínios, ovos, milho e glúten.

O que causa infecções por Candidíase? Como Curar a Candidíase

Há muitas causas possíveis de candidíase, incluindo uma dieta rica em açúcar, carboidratos refinados e álcool que ajudam a alimentar a candidíase. 

Mas não é só isso… conheça abaixo outros fatores que causam a candidíase:

  • Pílulas anticoncepcionais

Ao contrário dos antibióticos, pílulas anticoncepcionais em si não causam diretamente uma infecção por fungos ou síndrome de supercrescimento da candidíase. No entanto, quando uma mulher segue uma dieta rica em açúcar e faz muito uso de antibióticos, as pílulas anticoncepcionais podem afetar negativamente seu corpo, levando a uma infecção por candidíase.

  • Antibióticos de amplo espectro

Às vezes, os antibióticos são necessários para combater uma infecção persistente para matar as bactérias agressoras em seu sistema.

O problema com os antibióticos e com o uso excessivo deles (geralmente criando resistência aos antibióticos) é que eles não matam apenas as bactérias ruins, como também as boas bactérias. As bactérias boas no seu sistema são responsáveis ​​pela digestão e ajudam a manter a candidíase sob controle. Depois de um longo período de uso, os antibióticos podem tornar seu corpo um terreno fértil para candidíase.

Publicidade

  • Sistema Imunológico Enfraquecido

Qualquer indivíduo com um sistema imunológico enfraquecido tem maior probabilidade de desenvolver candidíase. Isto inclui bebês, crianças pequenas, idosos, pessoas diagnosticadas com HIV/AIDS e outras pessoas que portam condições inflamatórias e autoimunes.

  • Corticosteroides orais

Indivíduos que tratam a sua asma com inalantes de corticosteroides correm um risco maior de desenvolver candidíase na boca, levando ao supercrescimento sistêmico da candidíase. Se a candidíase oral for detectada, ela pode ser tratada com o gargarejo de óleo de coco com uma gota ou duas de óleo essencial de cravo.

  • Tratamentos de Câncer

De acordo com o Departamento de Pesquisa Clínica da Merck Research, a candidíase pode se tornar invasiva em pacientes com câncer e apresentar uma complicação séria durante o tratamento. Nesta pesquisa, um terço dos pacientes em tratamento de câncer apresentou candidíase “invasiva”.

A quimioterapia e a radiação podem trabalhar para matar células cancerígenas como tumores; no entanto, elas também matam as bactérias saudáveis ​​que naturalmente combatem a candidíase.

Sintomas da Candidíase – Como Curar a Candidíase

Este tipo de infecção causada por fungos sistêmicos apresenta diferentes sintomas em diferentes pessoas.

Abaixo estão alguns dos sintomas que a candidíase apresenta:

  • Transtornos do Humor

Uma das razões pelas quais pode ser difícil diagnosticar candidíase é que muitos dos sintomas da candidíase são sintomas comuns, como os transtornos do humor. Indivíduos com supercrescimento candidíase podem ter mudanças dramáticas de humor, ansiedade, irritabilidade, depressão e até mesmo ataques de pânico.

  • Fadiga Crônica

Se você tem fadiga ou cansaço sem motivo, independentemente do número de horas que dorme, pode ter síndrome da fadiga crônica. A doença é caracterizada por fadiga crônica que dura no mínimo seis meses. No entanto, quando este é um sintoma da candidíase, a fadiga vem frequentemente acompanhada por outros sintomas como dores de cabeça, dor nas articulações, dificuldades na memória e concentração e dor de garganta.

  • Infecções Sinusais

Tal como acontece com muitos dos sintomas candidíase, infecções sinusais são comuns hoje em dia, e pode ser difícil identificar a raiz do problema. A candidíase afeta os pulmões e pode causar uma tosse persistente, aumento da congestão nasal, alergias sazonais e sintomas gerais semelhantes aos da gripe.

Se você tiver algum desses sintomas citados consistentemente, é hora de verificar se você tem uma infecção por candidíase!

  • Infecções recorrentes do trato vaginal e urinário

Quando um indivíduo apresenta infecções recorrentes no trato urinário ou vagina, a candidíase pode ser a raiz do problema. É importante ressaltar que a candidíase pode ser transmitida sexualmente. Para as mulheres, reduza o risco evitando roupas íntimas apertadas e evite banhos quentes durante uma infecção ativa.

  • Desconforto Intestinal

O desconforto intestinal frequente é um dos sintomas mais desconfortáveis ​​da candidíase. A flatulência persistente, arrotos, inchaço, constipação ou diarreia e cólicas estomacais podem ser causadas pela falta de bactérias saudáveis ​​no trato digestivo.

Publicidade

oculos de sol qmaximo

oculos de sol qmaximo

  • Infecções fúngicas na pele e nas unhas

Infecções na pele e fungo nas unhas são sintomas comuns de candidíase. Infecções contínuas podem ser um sinal de que você tem uma infecção por candidíase sistêmica.

  • Desequilíbrio hormonal

Um desequilíbrio hormonal é um dos sintomas de candidíase que se apresenta em muitas outras condições de saúde.

No entanto, é importante reconhecer que a candidíase pode causar sintomas como uma menopausa precoce, TPM, baixo desejo sexual, enxaquecas, endometriose, retenção de líquidos, alterações de humor e incapacidade de perder quilos indesejados. Quando ocorre o super crescimento de candidíase, seu corpo fica inflamado, fazendo com que a candidíase cresça e se espalhe além do trato digestivo.

Como curar a candidíase

O tratamento natural feito em casa para a candidíase ajuda a livrar o corpo do excesso de candidíase através da limpeza do trato digestivo e a introdução de nutrientes que podem lutar contra a candidíase, nutrientes esses que podem ser facilmente encontrados em alguns vegetais. Você realmente tem duas opções para uma limpeza:

  • uma limpeza só de líquidos

  • uma limpeza com alimentos mais suaves.

Primeiro Passo: Tratamento só de líquidos contra a Candidíase (Duração de 1 a 2 Dias)

Comece por fazer um caldo de legumes a partir de cebolas orgânicas, alho, aipo, couve, sal marinho e água pura. Deixe ferver e coe. Descarte os vegetais e leve à geladeira o caldo.

Durante o dia, beba o caldo quente. É imperativo que você beba muita água para ajudar seu corpo a expelir todas as toxinas do seu sistema. Embora isso não seja uma limpeza a longo prazo, ela pode ser repetida conforme a necessidade a cada poucas semanas.

Segundo Passo: Vegetais Cozidos no Vapor (Duração de 3 a 5 Dias)

Neste passo a passo de como curar a candidíase, você tem que eliminar da sua dieta grãos, açúcares, frutas, amidos e álcool de durante três a cinco dias. Com isso, você pode fazer um grande progresso na sua luta contra o supercrescimento de Candidíase.

Publicidade

Coma fresco os vegetais orgânicos que foram cozinhados. Durante esta fase de limpeza, mantenha-se longe de quaisquer vegetais ricos em amido, como cenouras, rabanetes, beterrabas, batata doce e batata branca, que podem contribuir para o aumento dos níveis de açúcar e alimentar a candidíase. Continue a beber muita água pura, um mínimo 15 copos por dia, para ajudar a liberar a candidíase e seus subprodutos do seu sistema.

Durante este tempo – não mais do que uma vez por dia – você pode comer saladas feitas de folhas verdes (como a alface) ou verdes amargos (como acelga) e coberto com apenas um pouco de óleo de coco e vinagre de maçã (ou suco de limão). Evite a qualquer custo proteínas, mesmo as derivadas do leite.

Este é um processo que você pode fazer em casa para ajudar no tratamento, eliminando um pouco das toxinas e amenizando os sintomas da Candidíase. No entanto, se você saber mais sobre como curar a candidíase de uma vez por todas da candidíase clique aqui.

Marcado com: , , , , , , , , , , , , ,